Guest Post por Compartilhando Maternidade

Olá, mamães!

Hoje, decidi compartilhar com vocês alguns detalhes simples sobre maternidade, chá de bebê e enxoval, que se soubesse na minha época, teriam facilitado demais a minha vida. E olha que ainda tiveram alguns detalhes que me alertaram. Mas, talvez por teimosia e pouco conhecimento, quis fazer do meu jeito, acreditando que seria o melhor. Ah, se eu pudesse, como gostaria de voltar no tempo! Rsrs…

Vem comigo!

Fotos de Bebê

A primeira dica é sobre fotos de bebê. Ele cresce muito rápido e a gente fica com aquele gostinho de quero mais. Sabe? Por isso, faça muitos cliques, de todos os ângulos, de todos os jeitos e de todos os momentos que achar necessários. Sabe quando você olha para trás e pensa: “perdi aquela foto”?  É exatamente assim que me sinto algumas vezes.

Tenho a sensação que deveria ter batido mais e mais fotos. E isso é normal. Imagino que todas as mamães têm esse sentimento. A gente fica querendo ver aquele primeiro sorriso, a primeira vez que comeu uma papipnha, os primeiros passos… E por aí vai! São muitos momentos, que passam e precisam ficar registrados. E todas as vezes que bater aquela saudade, a gente pode dar uma olhadinha nas fotos.

Roupas de Bebê

Outra super dica é sobre as roupas de bebê. Compre somente o suficiente e conforme a estação que o bebê for nascer. Quando eu tive o Luigi, eu achei que ele sentiria muito frio, por ser um recém-nascido. Mas, por ele ter nascido no verão, aconteceu o contrário. Ele sentiu muito calor.

Mito ou verdade: bebês sentem mais frio que adultos e crianças?

Fique atenta aos sapatos. Não são necessários inúmeros pares. Os bebês não são centopeias e como crescem muito rápido, perdem tudo na mesma velocidade. Muitos sapatos deixaram de servir rapidinho no Luigi. Alguns sem ele ao menos ter usado! Se soubesse disso antes, compraria mais meias do que sapatos. São mais práticas e os bebês gostam de estar confortáveis.

Chá de Bebê

Ah, o Chá de Bebê! Essa é a minha maior dica. Sem sombras de dúvidas, faça um chá de bebê. Na minha primeira gravidez, não fiz o chá para o Luigi. Na verdade, eu achava o chá de bebê desnecessário, uma perda de tempo e dinheiro. Mãe de primeira viagem e inexperiência, com certeza. Rsrs… Mas, acabou que me arrependi muito por não ter feito. Hoje, eu vejo como o chá faz muita diferença na vida da gente!

Quando estava grávida, não conhecia o chá de bebê online. Ele teria sido uma ótima alternativa, pois iria dar aquela super ajudinha na hora de fazer o enxoval de bebê. Além disso, seria incrível poder compartilhar esse momento lindo com minha família e pessoas queridas.

Sério, gente! Se eu tivesse a oportunidade de reviver a gravidez do Luigi, sem dúvidas, faria o chá de bebê online, que já está sendo muito usado por muitas mamães. Além de praticidade, ele nos traz comodidade. E tem coisa melhor do que isso?

 

Esses são alguns escorregões que cometi durante a minha primeira gravidez. Acho importante compartilharmos dicas do que aprendemos com a gravidez para ajudar outras mães a passarem de forma mais leve por esse momento lindo!

Beijos com sabor de Chá de Bebê Online!

Compartilhando Maternidade

Você também vai gostar destes conteúdos: