Enxoval de bebê: Guia completo para escolha e compra

Desde os primeiros momentos da descoberta de uma gravidez, ideias relacionadas ao enxoval de bebê começam a passar pela cabeça dos futuros pais. E, na hora de iniciar a lista, é preciso levar em consideração alguns pontos primordiais para que tudo saia como o planejado.

Pensando nisso, desenvolvemos este guia com dicas importantes para apoiar os pais, desde o momento em que pensam no que comprar até a hora de colocar os pés para fora de casa e buscar os itens.

Vamos lá? Tenha uma boa leitura!

eunenem

Como fazer a lista de enxoval do bebê

Antes de mais nada, é necessário realizar um planejamento a respeito de todos os itens que serão comprados.

Tenha em mente que estamos lidando com diversos itens de necessidade básica do bebê. É preciso ter atenção redobrada para que a lista seja a mais completa possível e que atinja as expectativas desejadas.

Pensando nisso, listamos alguns fatores importantes que devem ser prioridade na sua lista. Veja:

Fique de olho no material das roupinhas

Por mais que alguma peça seja muito bonita, não se enganem, nem a comprem logo “de cara”. O tecido — assim como todo o material das roupinhas — deve ser muito confortável para que, dessa forma, o bebê não tenha irritações na pele.

Por exemplo: roupas com fios grossos (como nylon) podem machucar a pele delicada do neném. O zíper deve ser analisado com cautela, pois também tem a capacidade de machucar a criança. Nesse caso, busquem opções que possuam forro abaixo da abertura para que o problema seja evitado.

Em relação ao tecido, são recomendados os mais naturais. Evitem os sintéticos. Por exemplo: algumas opções podem causar atrito e alergias (principalmente quando o bebê está transpirando).

Priorizem roupinhas com tecido leve, natural e de boa aderência.

Os detalhes da roupa também não devem passar despercebidos. Por mais que pareçam muito delicadas e bonitinhas, as peças com botõezinhos e pingentes podem tornar-se algo perigoso, já que bebês têm o costume de colocar tudo na boca. Além disso, eles também podem machucar a pele da criança.

Cordões e capuzes também merecem atenção redobrada, já que a criança pode se enroscar e perder o ar enquanto brinca com essas peças.

enxoval-de-bebe02

Coloque a segurança em 1º lugar

Fiquem de olho nos selos de segurança. Desde brinquedos até berços e carrinhos. Praticamente, todos os objetos que serão usados pelas crianças em algum momento da vida precisam ter o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), o qual garante a segurança de uso.

Carrinhos de bebê devem estar com os freios, os cintos e as travas de segurança nas melhores condições possíveis. Inclusive, antes de adquiri-lo é importante fazer testes de praticidade do objeto. Por exemplo: abrir e fechar o cinto várias vezes, travar o carrinho e tentar empurra-lo.

Além disso, se atente ao modelo. Existem diversas opções no mercado que se encaixam nas mais variadas realidades das famílias. Portanto, é muito importante observar quais são as suas necessidades, para evitar uma escolha equivocada. Veja como escolher o carrinho de bebê.

Os berços também possuem alguns itens importantes e um deles é a grade. Ela deve possuir uma trava em perfeito funcionamento para não correr o risco dela abaixar sozinha — o que pode fazer com que o bebê caia. O espaçamento também deve seguir um padrão (algo entre 4,5 e 6,5 centímetros), o qual assegure que a criança não enfie a cabecinha entre um pedaço da grade e outro.

Sobre a cadeirinha que ficará no carro, considerem comprar as opções que possuem cinto de segurança de 5 pontos. A cadeirinha que possui esse sistema de cinto é mais segura, pois fica presa com firmeza junto ao banco do carro e consegue proteger por completo o bebê.

Lembrem-se de que o uso desse acessório é obrigatório!

É igualmente importante observar a presença do selo do Inmetro nos brinquedos e objetos de uso diário do neném. Além disso, cada brinquedo vem com uma indicação de idade na embalagem. Ela é muito importante e serve para guiar os pais quanto às opções ideais para a criança de acordo com a sua idade, evitando acidentes.

enxoval-de-bebe07

Pesquise bastante antes de comprar

Existem inúmeras opções de produtos infantis no mercado. Portanto, há diversas marcas e valores nas prateleiras. Sabendo disso, deixem a ansiedade para trás e saibam comprar os utensílios necessários com inteligência.

A principal dica a respeito deste tópico é: nunca comprem um objeto sem antes compará-lo com pelo menos outras 2 opções e lojas.

Pensem neste exemplo: o casal vai a uma loja e encontra um conjuntinho de frio que está sendo vendido a R$ 100,00. Ao se encantar com os modelos, compram 4 de uma só vez. Ao sair da loja e continuar passeando pelo shopping, deparam-se com outra loja que vende os mesmos modelos por um preço bem menor.

Tenham em mente que isso acontece com muita frequência. A variação de preço existe, é real e está em todo lugar. No momento de sair em busca dos produtos, tenham calma e pesquisem muito.

Inclua na lista apenas aquilo que é realmente necessário

A ansiedade do momento também pode gerar outro problema: o acúmulo de coisas desnecessárias dentro de casa.

Durante a gravidez, tudo parece ser lindo e mágico. As lojas especializadas se transformam em um paraíso, e é cada vez mais difícil olhar a vitrine e não imaginar o pequenino usufruindo de todos os produtos que estão ali.

Isso pode fazer com que, na imaginação do casal, tudo seja útil e necessário. E é por esse motivo que uma lista é tão importante.

Faça um planejamento de tudo o que vocês vão precisar para que, no momento de irem às compras, não acabem se descontrolando e comprando muita coisa que provavelmente será usada uma (ou até nenhuma) vez.

Fique de olho na época do ano em que o bebê vai nascer

Por mais que no Brasil as estações não sejam tão rigorosas ou bem definidas, ainda é importante verificar quando o seu bebê vai nascer.

Caso seja em um período de temperaturas mais geladas, vocês terão que priorizar a compra de:

  • casacos;
  • gorros;
  • luvas;
  • mantas;
  • e meias.

enxoval-de-bebe08

Já no calor, é possível contar com a leveza das roupas, que poderão ter menos camadas. Você pode pensar nas seguinte opções:

  • macacões de algodão, pois são mais fininhos;
  • bodies de manguinha, que deixem os braços e as pernas de fora;
  • macaquinho ou jardineira curta;
  • camisetas, que possam ser usadas diretamente com a fralda;
  • chapeuzinhos para proteger do sol.

As roupas que não podem faltar no enxoval

Começando com as roupas, a seguir listamos quais são as opções indispensáveis ao montar o enxoval do bebê:

Bodies

Os bodies são, provavelmente, as peças de roupa que o seu bebê mais vai usar nos primeiros meses de vida, já que representam uma opção prática e confortável.

É aconselhável ter não só os de manga curta, mas também os modelos que aquecem mais o bebê.

Sugestões:

  • 6 peças de body sem manga;
  • e 6 peças de body com manga.

bodies

Meias

Não importa a época do ano, as meias serão usadas quase que diariamente pelo bebê. Pense, porém, que a criança cresce muito rápido nos primeiros meses de vida. Portanto, a moderação é importante na hora de comprar roupas em geral, para não haver desperdícios.

Sugestão:

  • 3 ou 4 pares de meias.

Culotes

Também conhecidos como calças de malha, os culotes são opções extremamente confortáveis e, assim como os bodies, podem ser comprados em abundância (dentro daquele limite que já conversamos, claro).

Eles podem ser encontrados de 2 formas:

  • até o final da perninha, sem cobrir os pés;
  • ou cobrindo tudo.

Sugestões:

  • 3 culotes que cobrem tudo;
  • e 3 culotes que não cobrem os pés.

A divisão e compra dessas peças pode ser modificada levando em consideração o gosto pessoal do casal.

Macacões

Um macacão é uma ótima opção de presente para recém-nascidos. Então, tenha em mente que vocês vão ganhar pelo menos dois! Mesmo assim, eles são fundamentais no enxoval e merecem o mesmo destaque das roupinhas já citadas.

Existem inúmeros modelos, alguns mais quentes e outros mais fresquinhos. Isso fica a critério de vocês, considerando a época do ano e o clima do local onde vocês vivem.

Sugestão:

  • 6 macacões.

macacoes

Casaquinhos de lã

Mesmo que a criança tenha nascido em um local mais quente, é importante ter uma opção mais quentinha no guarda-roupa. Afinal de contas, as noites costumam ser mais frias e, mesmo que não vente tanto, é importante proteger o bebê nesse momento.

Além do mais, nunca se sabe quando uma frente fria mais rigorosa pode passar pela sua cidade, certo?

Sugestão:

  • 2 casaquinhos de lã.

Acessórios

Além das roupinhas fundamentais, alguns acessórios também são importantes e devem ser incluídos no enxoval.

Sugestões:

  • 1 touca;
  • 2 mantas;
  • e 2 pares de luvas.

Produtos de higiene

Sabemos que existem inúmeras opções disponíveis no mercado, e é justamente aí que mora o perigo. Façam uma lista com todos os produtos de higiene necessários para  perder o controle e sair comprando o que ver pela frente.

Toalhas

Item importantíssimo na sessão de higiene do enxoval, é interessante não comprar apenas toalhas para recém-nascidos ou para bebês muito pequenos. Eles vão crescer de forma rápida. Então, para não perder os itens logo de cara, optem por opções maiores e que poderão ser usadas no futuro.

Ainda existem toalhas que possuem um capuz acoplado. Elas são ótimas opções e protegem ainda mais a criança. O capuz ajuda a proteger a cabeça do bebê ao sair do banho e a secar o cabelo.

Sugestão:

  • 4 peças de toalha.

Towel-baby

Higiene básica

Por se tratarem de diversos produtos em especial, existem no mercado kits que englobam as necessidades higiênicas do bebê por preços muitas vezes mais acessíveis do que quando comprados separadamente.

enxoval-de-bebe05

O uso de cada um deles é bem autoexplicativo. Vocês podem optar por algum kit ou, caso já tenham algum em casa ou não vejam necessidade de adquirir todos eles de uma só vez, podem comprar um por um.

Veja:

  • 1 caixa de cotonetes (modelo com as ponteiras maiores);
  • 1 escova ou pente de cabelo;
  • 2 babadores;
  • 2 ou 3 pacotes de algodão;
  • 2 ou 3 pacotes de fraldas descartáveis;
  • 2 sabonetes neutros;
  • 3 fraldinhas de ombro;
  • 3 pacotes de lenços umedecidos;
  • 8 paninhos de boca;
  • creme para assaduras;
  • pomada anti-assaduras;
  • sabão para a roupinha dos bebês;
  • e tesourinha ou cortador de unha.

 

Atenção: muitas vezes, vocês podem querer comprar uma quantidade maior de fraldas. Porém, não caiam nesse erro. É importante comprar menos itens, pois é possível que a criança desenvolva alergias a alguns modelos específicos. Testem as marcas e, após terem se certificado de que o modelo é confortável para o bebê, invistam na compra de mais unidades.

O kit higiene é uma opção bem prática, já que reúne todos os itens necessários e evita a compra de cada um dos produtos separadamente. Outra vantagem é que ele geralmente vem com alguns itens importantíssimos para curar o umbigo e trocar as fraldas, que são:

  • 2 potes de algodão;
  • 2 potes de cotonete;
  • garrafa térmica;
  • pequeno pote para colocar a água morna.

Banheira

A banheira é outro utensílio completamente indispensável! É preciso, porém, ter certeza das medidas desse item para que ela consiga entrar e permanecer dentro da área do box do banheiro.

Lembrem-se de que o espaço deve ser o suficiente para entrar com a banheira e, além disso, comportar pelo menos a pessoa que dará banho no bebê.

Existem inúmeros modelos diferentes de banheiras. Por exemplo: algumas contêm suporte; outras, porta-shampoo. Os detalhes são opcionais e devem ser adquiridos a partir da vontade e da condição dos papais.

É legal levar uma fita métrica para ter certeza dos tamanhos e não se deparar com uma surpresa desagradável ao chegar em casa, com o produto já em mãos.

Sugestão:

  • 1 banheira.

Itens para o quarto do bebê

A hora de planejar o quarto do bebê é uma daquelas que envolve mais ansiedade e emoção, certo? Ver o local tomando forma é maravilhoso.

Porém, mesmo que vocês estejam realizando algum projeto com arquitetos, saibam que é extremamente necessário adicionar os principais itens (aqueles que são indispensáveis) na lista.

quarto-de-bebe

Berço

Pensem no berço como uma espécie de “casinha” para o seu bebê. Ele passará grande parte do dia dentro do local.

Além desse móvel em si, existem alguns elementos que entram em harmonia com ele e são extremamente necessários. Saibam, então, que o investimento nos objetos que estarão inclusos no berço farão toda a diferença!

Como o protetor de berço. Ele é importante, pois o neném pode sujar a superfície algumas vezes, e retirar o colchão para limpá-lo todas as vezes que isso acontecer não é uma tarefa muito legal.

2 protetores são ideais, em vista que, quando um está sujo, o outro pode ser usado tranquilamente.

Outras sugestões:

  • 1 colchão de berço;
  • 2 protetores de berço;
  • 1 mosquiteiro para berço;
  • 1 móbile para berço.

Mantas, lençóis e cobertores

Analisar o tecido do enxoval do quarto do bebê é a principal recomendação relacionada à escolha dos lençóis e dos cobertores. Opte pelas opções 100% algodão.

Sugestões:

  • 1 edredom;
  • 3 mantas;
  • e 4 jogos de lençol.

O edredom não precisa ser comprado em grande quantidade, já que não será tão sujo ou danificado quanto os lençóis. Por isso, uma opção já é mais do que suficiente.

Já os lençóis e mantas — que, com certeza, serão mais usados — devem ser comprados em maior quantidade, pois enquanto um estiver na máquina de lavar, os outros poderão ser usados.

sono

Cômoda

A cômoda é extremamente importante, já que comportará a maioria dos itens colocados na sua lista. Ela deve caber de forma harmônica no quarto do bebê, além de ter espaço suficiente para todas as roupinhas e os itens que serão colocados lá dentro.

As melhores opções de cômoda são aquelas que possuem trocador em cima. Esse móvel deve ser confortável e em uma altura adequada para quem for trocar e limpar o neném. Não se esqueçam de deixar todos os materiais de limpeza necessários para essa tarefa sempre por perto!

Sugestão:

  • 1 cômoda.

Trocador

Caso você não tenha cômoda no quarto, ainda assim será necessário um trocador. Existem vários modelos, desde os de pé e embutidos até os portáteis. Ele é um item imprescindível e facilita muito a vida dos pais.

No caso daqueles daqueles com pé, a altura dele deve proporcionar um maior conforto, já que não é necessário abaixar muito para alcançar a cama (local que muitos pais de primeira viagem acabam imaginando que será possível trocar o bebê).

Também é mais fácil, prático e seguro movimentar o bebê no trocador.

Sofá ou cadeira confortável

Outro móvel essencial é um sofá ou uma cadeira confortável para a amamentação. É claro que a mamãe pode realizá-la na cama ou em outro lugar, mas é muito mais prático e melhor para o bebê que o ambiente seja tranquilo e aconchegante, como o quartinho dele.

quarto-de-bebe02

Afinal, após a amamentação, é normal que o neném se sinta sonolento. A mamãe precisará dar poucos passos para colocar o pequeno para dormir em seu bercinho, sem o risco de acordá-lo.

Os sofás e as cadeiras também são ótimos lugares para acalmar e aninhar o bebê, então devem ser confortáveis para os pais poderem passar o tempo necessário lá.

Dica: coloque uma mesinha ao lado da cadeira. É muito comum que as mães sintam sede ao amamentar, portanto, a mesinha servirá como apoio para uma garrafa de água.

Outros objetos

Sugestões:

  • 1 abajur ou luz fraca;
  • 1 babá eletrônica;
  • 1 lixeira;
  • e cabides (de acordo com a quantidade de roupinhas que ficarão neles).

Itens importantes para passeio com o bebê

Os momentos de passeio com seu bebê serão muito mais prazerosos, práticos e seguros, caso seja realizada a compra dos itens corretos.

Laughing Caucasian baby girl

Bolsa para passeio

Atualmente, existem opções cada vez mais completas e que atendem a todas as necessidades dos pais. A mais indicada é aquela que vem com uma espécie de trocador embutido.

Assim, quando vocês estiverem fora de casa com o seu filho, não precisarão se preocupar em encontrar trocadores, já que terão tudo o que precisam dentro da bolsa de passeio.

Sugestões:

  • 1 bolsa de passeio grande, com trocador;
  • e 1 bolsa de passeio pequena.

Carrinho de bebê

carrinho de bebê é um dos elementos que não deve faltar na lista de jeito nenhum.

Existem inúmeras opções de modelos no mercado.

Pais esportivos podem optar pelo carrinho de 3 rodas, ótimo para realizar caminhadas e passeios ao ar livre.

Já para aqueles que precisam se locomover muito, tirando e colocando o carrinho do porta-malas a todo momento, a opção em guarda-chuva é a melhor.

Existe ainda o travel system, que vem com um bebê conforto incluído, eliminando a necessidade de comprar o acessório para o banco do carro. Eles são as melhores opções para recém-nascidos, já que nessa época os bebês ficam apenas deitados.

Tenham certeza de que, em meio a tantas opções, sempre existe aquela que se encaixa direitinho com a realidade e estilo de vida do casal.

  • 1 carrinho de bebê.

Bebê conforto

Caso vocês optem pelos carrinhos de bebê que já vêm com um bebê conforto, não é tão necessária a compra de mais um para colocar no carro.

Se vocês optaram por outro modelo, no entanto, o bebê conforto será um item a ser colocado na lista.

De acordo com a legislação brasileira, o uso de bebê conforto é obrigatório dentro do carro até a criança completar 1 ano. Depois disso, vocês deverão comprar poltronas reversíveis e assentos de elevação.

Sugestão:

  • 1 bebê conforto.

Brinquedos práticos

Seja em uma ida ao parque ou em um passeio até a casa dos avós, é interessante ter dentro da bolsa alguns brinquedinhos capazes de distrair o neném.

Eles têm capacidade de reduzir a ansiedade e de distrair a criança em momentos que podem se tornar estressantes para os pequenos.

mordedor

Dica importante: não comprem diversos brinquedos de uma só vez. À medida em que vocês forem conhecendo o seu bebê, consequentemente irão descobrir quais são os brinquedos que ele mais gosta e quais são as melhores opções para cada momento do dia (brinquedos que o deixam animado, por exemplo, devem ser evitados no período noturno).

Sendo assim, comprem opções mais genéricas.

Sugestão:

  • 3 brinquedinhos práticos para levar na bolsa.

Canguru

Caso o estilo de vida do casal envolva uma boa quantidade de caminhadas, é interessante ter um canguru para eventuais passeios.

Além de ser uma ótima opção, sendo mais prática para um passeio no parque ou no shopping, por exemplo, existe um método — também chamado de canguru — com o objetivo de estimular:

  • o afeto e o contato entre a mãe (ou o pai) e o bebê;
  • a troca de calor entre o filho e o seu responsável;
  • o costume com o cheiro da mãe (ou do papai).

O método canguru é uma assistência neonatal que tem como vantagem um estímulo no desenvolvimento do bebê, além de ajudar na recuperação daqueles que nasceram prematuros ou com peso muito baixo.

Veja as principais vantagens do uso do objeto:

  • redução do choro e do estresse do recém-nascido;
  • estabilização do batimento cardíaco do bebê;
  • favorecimento à amamentação;
  • contribuição para o vínculo entre a criança e o seu responsável;
  • ajuda no desenvolvimento emocional do neném.

sling

 

Chegamos ao fim deste guia!

Depois de terem visto os itens que são essenciais, lembrem-se sempre de que existem outros itens que podem ser incluídos na sua lista. É importante ter em mente que vocês devem contextualizar a sua listagem de acordo com a sua realidade e com as suas necessidades.

Após a leitura deste post, vocês se sentem mais seguros e preparados para realizar um enxoval de bebê digno de muito orgulho? Contem para a gente no campo de comentários!

Enxoval de bebê: Guia completo para escolha e compra
4.8 (95%) 4 votes